Na serra


As cores de outono ainda predominam nas árvores e nas folhas que caem ao chão, o verde ganha forma e contraste,  a água e a chuva contribuem para que esta serra se pinte de verde escuro, no inverno que se aproxima. Há uma fusão de cores e cheiros, que nos é familiar. Lá ao fundo, do lugar onde estamos há uma fogueira que se distingue no meio da paisagem; sobre os nossos pés no meio da terra enlameada há também o cheiro das chuvas e da terra molhada, o cheiro fresco da erva e do musgo e o recém chegado cheiro a queimadas, vindo da fogueira de fumo algures lá ao longe. Uma simbiose de cheiros, apanhados do ar e guardados dentro de um frasco de vidro em segredo. Poderia ser este o natural e verdadeiro perfume do campo e rotulava-o, assim.

Ao acaso encontramos de perto a fogueira que de longe rasgava o céu azul de cinza claro, a responsável por desafiar aquele céu azul, está agora ali, perante nós, mesmo ao nosso lado. Adivinho-lhe uns setenta e tal anos, as suas roupas estão gastas e velhas boas para o trabalho no campo, as lentes dos seus óculos estão embaciadas do fumo, as mãos chamam-me a atenção e subitamente desejo-as fotografar, mas de novo concentro-me no seu olhar que é doce e terno. Conta-nos histórias sobre o pessegueiro, sobre as videiras e a figueira que caiu e continuou a dar figos, sabe tudo sobre aquele lugar, que é seu desde pequena. Conta-me que é sozinha, em troca eu prometo-lhe que volto e que a visito.

Existem pequenas histórias a desabrochar em cada lugar, se tivermos atentos e quisermos participar, seremos sempre personagens dessa mesma história, da nossa própria história.

Apetece-me nesta tarde esperar pela hora dourada, mas tenho compromissos noutro lugar e parto, com a promessa de voltar passando nos mesmos lugares, onde tudo se mantém e de onde tudo guardo.

8 comentários

  1. Está lindo lindo lindo... Já adorava o outro e este está ainda melhor :) Parabéns :*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai que bom Eliane! Eu gostava muito do outro, porque fui eu que fui fazendo com colagens, etc... mas estava meio desalinhado :) Para além disso, queria algo que tivesse o verde e natureza aqui.

      Eliminar
  2. está muito bonito, mudar é sempre bom :) beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Também gosto muito! As fotos estão fantásticas. A Natureza com todas as suas cores e cheiros, nas diversas estações do ano, não há nada mais inspirador.

    ResponderEliminar
  4. O teu blog está de cara nova e está muito bonito.Confesso que também gostava muito do outro, mas está ainda mais bonito assim. Simples como tu. Menos muitas vezes é mais.
    As fotografias estão lindas, que paisagens e texto mais inspirador!
    Beijinho e boa semana.

    ResponderEliminar
  5. Como é possível aqui ser tudo tão lindo? De sonhar, mesmo :) ♥

    ResponderEliminar
  6. Que maravilha. As tuas fotos trouxeram-me serenidade :)

    ResponderEliminar