Produtos Locais


 





 



Optar por viver no campo, pode significar ter tudo ou nada. Relativamente ao comércio é certo que não tenho tudo à mão e cada vez que quero materiais para trabalhar no by Deva tenho que me deslocar uns quilómetros de carro, bem como lojas para vestir e calçar, etc... mas por outro lado é optimo poder comprar produtos de qualidade alimentar, diretamente ao produtor: as farinhas feitas aqui nos moinhos da Azóia e Palmela, que fazem um bolos e pães óptimos (um post a agendar para breve...), o mel da Arrábida, o propólis, os legumes, as frutas, o vinho, os queijos, etc... Hoje, numa aberta fomos num ápice comprar queijo de cabra à quinta de Alcube. Eles ficaram no carro e  eu numa corrida entrei para comprar o queijo para as minhas saladas. Vivemos, na região do bom queijo, então nada melhor que os comprar diretamente nas queijarias.

Para esta salada:
Descasquei um tomate, abacate, beterraba, manga e cortei tudo em quadrados pequenos.
Temperei  na tábua com sal, azeite, pimentas várias moídas e sementes de linhaça

12 comentários

  1. A salada parece estar simplesmente deliciosa...tem um bom domingo.

    ResponderEliminar
  2. Às vezes vejo na TV que os agricultores em países como os EUA vendem os seus produtos directamente, embora aqui alguns o façam não se vê com muita frequência, talvez fruto de inspecções apertadas ou apertadíssimas, o que é pena.

    ResponderEliminar
  3. e é tão bom em termos de qualidade mas também em termos ecológicos :)

    ResponderEliminar
  4. Tem muito bom aspecto a saladinha.E o mais pequeno come? Não consigo fazer com que os meus filhos comam esse tipo de refeições :( e logo eu que adoro tudo o que seja salada, sopa ou frutos...

    ResponderEliminar
  5. Tem muito bom aspecto! Tenho de experimentar!!!

    ResponderEliminar
  6. Apesar de viver a 8km da cidade de Braga, ainda posso ir ao lavrador comprar vinho, tangerinas (oferecidas grande parte das vezes), coelhos, galinhas.
    O padeiro ainda coze o pão a lenha e entrega em casa.
    Planto salsa, tomates, alfaces, pimentos, pepinos.
    Tenho frutos vermelhos e morangos quase todo o ano em floreiras na varanda...

    Costumo dizer: 'tasse' bem no campo!
    Boa semana.

    ResponderEliminar
  7. Delicias da natureza!
    Se vais à Azoia comprar farinha digo-te que uns quilometros mais à frente encontras os melhores queijos do mundo, produção artesanal da D. Inês Marcelino. Queijo fresco, amanteigado ou seco, são maravilhosos!

    ResponderEliminar
  8. ola marcia!
    1º simpatizo com o nome, pois é tb o nome de uma querida amiga, depois adorei o cantinho a as coisinhas...
    So comento agora que consegui ler o blog todo, sim e verdade! Não faço pela metade. gosto de conhecer quem leio, ainda que seja apenas pelo que leio. foi bom ler te.
    parabens pelo blog e pela decisão de mudar para o campo!
    bjinhos

    claudia

    ResponderEliminar
  9. Olá, gostaria de poder reproduzir as imagens da tua casa, no meu blog. ficarei imensamente grata pela autorização!

    Sou tua leitora há bastante tempo, e quase não comento. quando vi as imagens da tua casa, fiquei encantada.deixei a vergonha de lado, para te pedir permissão rs

    bjs

    ResponderEliminar
  10. Olá Lia, pode usar as imagens sim. Fico contente por as divulgar. obrigada!

    ResponderEliminar
  11. Eu não troco o campo por nada e só quando me vi fora dele é que reparei o quão gosto de viver no meio da natureza. A primeira imagem é maravilhosa e adorava teletransportar-me para lá :)

    ResponderEliminar
  12. Que bom que pode comprar tanta coisa facilmente aos produtores! Fico cheia de inveja! ehehehe é muito mais ecológico e, geralmente, mais saudável (depende sempre dos produtores, claro)

    ResponderEliminar

Instagram