Pão


Nos dias em que nos falta algo para a confecção do nosso pão (o fermento, sempre o fermento), temos mesmo de o comprar. Eu evito comprar pão fora de casa, por nenhuma razão em especial, apenas por gosto de o fazer em casa. Na nossa rua todas as manhãs passa o peixeiro e o padeiro que vêm vender de porta em porta. O senhor padeiro, com aquele ar de carneiro mal morto não sabe o mal que faz à minha consciência cada vez que passa na rua às buzinadelas!!! Lá vai o "Demo" digo eu voz silenciosa! Hoje, não tive outro remédio senão recorrer a esta pessoa. Abertas as portas da sua carrinha de cor imaculada e lá fico eu pasma e a ougar perante tanta variedade de pães e pãezinhos frescos que este senhor trás! Um autêntico paraíso pãozesco! Trouxe dois integrais de sementes e com muita força de vontade mandei os outros lá para as outras bandas!

7 comentários

  1. Adoro pao fresco!!!
    Na casa dos meus pais ainda recebemos a visita do padeiro, e sempre que o senhor chegava com pao fresquinho eu descia as escadas com uma alegria imensa para ir comer o pao quentinho ao pequeno almoco :)
    ainda nao aderi a maquina do pao, mas tenho de experimentar

    ResponderEliminar
  2. Nossa, mas estão com uma cara boa! Eram gostosos? Tão gostosos quanto os que você faz em casa?


    Camila Faria

    ResponderEliminar
  3. Como eu entendo essa tua "luta"! Sou uma fraca no que respeita ao pão e por mim, marcham todos. É um alimento tão bonito e delicioso. Bom apetite!

    ResponderEliminar
  4. Como compreendo o drama. Pão é a minha paixão e perdição *_*

    ResponderEliminar

Instagram