Em Casa


Ele esteve doente e como tal os mimos e atenções foram redobrados. Nesta altura deixamos tudo para trás e dedicamos-nos só a eles. Histórias contadas, desenhos animados no sofá, lego e puzzles, tudo é válido para os distrairmos e vê-los felizes. Juntos, também preparamos o nosso lanche, uns deliciosos biscoitos de alfarroba. Ao contrário da moda dos famosos "Cupcakes" os meus biscoitos têm um aspecto bastante tosco*, mas garanto-vos que são óptimos!

Estes biscoitos não têm ovos e açúcar. Fazem-se muito rapidamente e cozem num instante. Se quiserem experimentar deixo-vos a receita que foi mais ou menos assim:

Coloquei numa tigela 200ml de água com 2 colheres de sementes de chia. Enquanto isso torrei ligeiramente numa frigideira sem gordura algumas sementes de sésamo. Numa taça coloquei 1 1/2 cháv. almoçadeira de farinha de trigo; 1/2 cháv. almoçadeira de farinha de alfarroba; canela, um pouco de óleo (usei de amendoim); algum leite (para ligar), 4 colh. de sopa de adoçante natural (usei geleia de milho); as chias e por fim as sementes de sésamo já torradas. Depois é só dispor num tabuleiro e ir ao forno 10/15 minutos.

*Como, não ligo a modas nem tão pouco me deixo arrastar por tendências, a ideia não foi criar mini bolos sarapintados de corantes, esses nem me dou ao trabalho de experimentar fazer, mas sim algo que seja verdadeiramente natural e nutritivo.

6 comentários

  1. Estar doentita e ser estragada com mimos é das melhores recordações de infância que tenho... :)

    ResponderEliminar
  2. Parecem mesmo ser deliciosos! :) Uma receita a "roubar", sem dúvida! é só conseguir reunir os ingredientes!
    grata pela partilha!

    **rita

    ResponderEliminar
  3. Devem ser deliciosos! Eu adoro tudo o que tenha sabor a alfarroba!
    E fazes bem em não ir em tendências!

    ResponderEliminar
  4. A aparência pouco importa, o que é importante é o sabor! E agradar os pequeninos, certo?

    Só para constar, faço cupcakes sem um pingo de corantes e com ingredientes bem nutritivos, naturais e saborosos, portanto, é bom não generalizar, não é mesmo?


    Camila Faria

    ResponderEliminar
  5. Nem mais Camila! Acredito que haja cupcakes sem corantes, etc... mas muitos deles que vejo à venda aqui no mercado não creio que sejam assim tão naturais. Mas cada um escolhe aquilo que quer ; )

    ResponderEliminar
  6. Aqui no Rio de Janeiro temos algumas lojas especializadas em cupcakes que são pura decepção. Os bolinhos são coloridos e sem gosto, parecem bolinhos de plástico, uma tristeza. Entendo perfeitamente o que você quis dizer...


    Camila Faria

    ResponderEliminar

Instagram