Apenas isto

Sabem, apetecia-me passar não uma parte de um dia, mas sim um dia inteiro sem horas e minutos, ao redor da natureza.
Infelizmente a vida por vezes não permite fazer tudo aquilo que queremos... mas sim, apetecia-me, muito, estar em comunhão com a natureza!

Tocar sem magoar flores e plantas*. olhá-las de diversos prismas e respirar toda a sua beleza. Descalçar os ténis e caminhar descalça sob o coração húmido da terra e escutar a sua pulsação.

Talvez seja esta a forma urgente que encontrei para estar perto daquilo que é divino, talvez seja esta a minha verdadeira religião; a natureza.

7 comentários

  1. Tiraste-me as palavras da boca é isso mesmo. Também o sinto assim. :)*

    ResponderEliminar
  2. Tem razão amiga
    Deus está em sua criação.
    bjs

    ResponderEliminar
  3. religião = natureza: esta ideia agrada-me! :)

    ResponderEliminar
  4. olá Márcia!
    São estes pequenos prazeres que ajudam a preencher uma vida!
    Enviei-te um mail no flickr!
    beijinhos
    mila

    ResponderEliminar
  5. Nunca fui tao feliz como naqueles anos em que vivi em contacto com o campo, dava tudo para voltar aquele tempo.

    ResponderEliminar
  6. Como te compreendo...
    :)
    Lembrei-me de uma coisa pode ser que te interesse... Não sei se estás a par deste encontro: "Mulheres da Terra . Mulheres na Terra" organizado pelo Fojo.
    Dá uma vista de olhos:
    http://o-fojo.blogspot.com/2010/05/10-experiencia-de-permacultura-no-fojo.html

    ...infelizmente eu não vou poder ir...

    Lindas fotografias, como sempre!
    Abraço
    Joana

    ResponderEliminar
  7. Obrigada Joana pela dica, mas não vou poder ir com imensa pena.
    Bjs*

    ResponderEliminar

Instagram